domingo, 1 de março de 2009

one of those girls

É, eu sou uma daquelas garotas.
Dessas mesmas que você está pensando.
Enegreço os olhos até que eles começam a clarear outra vez,
encaixo tudo nos lugares certos,
e checo de novo pra ver se tá tudo certinho mesmo.
Só caminho com ritmo, e vou me deixando brilhar, brilhar, brilhar até que tenho vontade de amar todo mundo e que todos me amem.
Love me, love me, love me.
E você gosta de mim,e gosta de mim,e gosta de mim.
Que nada,
Você gosta de tudo encaixado nos lugares certos,
E do brilho nos meus olhos claros de tanto escurecer.

Acordo com sede e arrependida,
porque ainda sou uma daquelas garotas,
de quem lembram até que dá o tempo de esquecer.



Um comentário:

I like it rough.
Evitem delicadezas.