terça-feira, 4 de agosto de 2009

Insistência.

Como bolo de chocolate quente, sei que meu estômago vai doer, mas como mesmo assim.

Tomo cerveja gelada, sei que vou acordar de ressaca e com dor de garganta, mas tomo mesmo assim.

Finjo, sei que vou ficar perturbada e triste, mas finjo mesmo assim.

Não desfaço as malas, sei que vou tropeçar nelas, que vou machucar meu dedinho, e mesmo assim, as deixo no meio do caminho, abertas e semi-feitas.

Falo palavrão, sei que vão me olhar feio, que meninas-moças catitas não o fazem, mas falo palavrão mesmo assim.

Sei que devia evitar multidões, me segurar com mais força no ônibus, descer as escadas devagar, não comer maçã com casca sem lavar bem, e continuo fazendo, continuo fazendo, fazendo, fazendo..

E continuo.


4 comentários:

  1. eu te acho incrível, com todas as suas insistências! <3

    X

    ResponderExcluir
  2. bebo natasha, sei que é indignidadde engarrafada, mas bebo mesmo assim.

    Amiga, te entendo perfeitamente. :)

    ResponderExcluir
  3. Sei que se não fosse assim, não seria você. E sei que se é assim, é pa você é única em meio a tantoa multidão de hype/cool/descolados/idiotas. Continua, continua e continha sempre sendo a rai que assim tá bom. (L

    ResponderExcluir

I like it rough.
Evitem delicadezas.